Leis bizarras para seguir em uma viagem para o exterior

por Laryssa Xavier Compartilhe

Tenho certeza que você já ouviu falar em pelo menos uma das muitas leis bizarras existentes ao redor do mundo. Nós aqui do Dicas tínhamos muita curiosidade para saber um pouco mais sobre isso, e ficamos chocados com as regras de alguns destinos! 😯

É claro que sabemos que não dá para fazer em uma viagem para o exterior, tudo aquilo que para a gente é super normal no nosso país. Mas ainda assim, algumas leis são tão bizarras que a gente precisava compartilhar!

Confira algumas dessas regras peculiares que, apesar de serem super estranhas, devem ser levadas a sério em uma viagem para o exterior – ou você pode sofrer com algumas punições inesperadas.

Quer beber na Tailândia? Melhor olhar o relógio primeiro

leis bizarras

Se você já viu o filme Se Beber Não Case, pode até pensar que a Tailândia é um país bem louco e sem regras. Mas isso é só na ficção, viu? Na vida real a Tailândia continua sendo bem louca sim, em alguns sentidos, mas como todo país, ela também tem suas normas e você, como turista, precisa conhecer.

Entre as muitas leis bizarras que descobrimos, essa nos chamou atenção: na Tailândia, você só vai conseguir comprar bebidas de 11h às 14h e 17h às 24h. Então pode cancelar o chopp depois do almoço e se contentar com um suquinho ou a famosa água mineral. Pelo menos você fica hidratado, né?😪

A era dark chega para todos, menos para os russos

leis bizarras

Sua próxima viagem para o exterior tem a Rússia como destino? Atenção na hora de arrumar as malas! Se você é amante de roupas pretas como eu, é bom ficar sabendo que o governo russo tem uma lei anti-emo e andar todo de preto por lá pode ser um problema. Então, pode esquecer o delineador, lápis preto e as botinhas de rockeiro, viu? 😓

Essa entrou pra lista de leis bizarras quando o governo russo começou a achar que a moda emo era o motivo das altas taxas de suicídio no país. Isso tudo foi tão longe que ficou proibido o uso do estilo em prédios do governo e escolas. Loucura, não é? Imagina se essa moda pega aqui?

Mas pode ficar de boa: ainda dá para curtir nossa era dark por lá pelo menos ouvindo nossas músicas emo no hotel!

Cuidado com suas moedas no Canadá

leis bizarras

Você que adora juntar todas suas moedinhas para pagar as coisas é bom tomar cuidado no Canadá! A coisa toda é bem louca, e por isso entrou no nosso repertório de leis bizzaras. Acontece que essa lei limita o número de moedas permitidas em uma mesma transação.

É mais ou menos assim: você pode usar moedas para pagar alguma coisa, desde que não ultrapasse 25 moedinhas. Se você der mais de 25 moedas para qualquer comerciante, ele pode te denunciar e você vai ter que pagar uma multa bem alta.

E, por favor, não tente pagar a multa com mais moedas, ok?!

Em Atenas não usamos salto alto

leis bizarras

Quando se trata de uma viagem para o exterior, a gente sempre quer ficar impecável, né? Mas é claro que alguns lugares não combinam com luxo. É difícil, por exemplo, imaginar alguém usando salto alto em um sítio arqueológico, não é? Mas tem doido pra tudo nessa vida.

Em Atenas, por exemplo, isso deu origem a uma das nossas leis bizarras e foi necessário proibir o uso desse tipo de sapato por causar danos aos monumentos históricos.

Então, mulherada, na hora de arrumar a mala para conhecer Atenas, é melhor esquecer o salto alto. Lembrem-se que com o dinheiro da multa, dá pra comprar vários souvenirs. E é possível postar o look do dia usando outro sapato, né?

Vai dirigir em Moscou? É bom lavar bem o carro

leis bizarras

Essa é boa! Se você for corajoso o suficiente para encarar o trânsito complicado de Moscou, é bom não esquecer um detalhe muito importante: andar com o carro sujo é infligir a lei e você pode ser premiado com uma bela de uma multa para pagar.

Melhor gastar pouco em um posto de lavagem – ou até perder um tempinho dando umas esponjadas no carro – do que desembolsar uma grana para pagar a multa, né? É sempre bom ficar esperto pra não ser pego em uma dessas leis bizarras!

Nada de goma de mascar em Cingapura

leis bizarras

Uma das leis bizarras mais estranhas que vi foi proibir a galera de mascar, comprar, vender ou levar chiclete para Cingapura. A coisa toda começou com a intenção de manter os locais públicos mais limpos, já que o governo alegou gastar muito com a limpeza das calçadas.

A pena para quem desrespeita a lei? Uma multa alta que pode pesar seu orçamento! Mas pode ficar calmo que hoje em dia a lei já possui algumas ressalvas. Para comprar sua goma de mascar no país você pode, por exemplo, conseguir um atestado médico 🤣 e claro, não pode esquecer um documento de identificação!

Biquíni em Barcelona? Fora da orla nem pensar

leis bizarras

Vai curtir as praias de Barcelona? É bom deixar uma roupa separada para vestir ao sair do mar. Isso porque há uma regra que proíbe o uso de roupas de banho nas ruas da cidade. Quem decidir se arriscar, está sujeito a pagar uma multinha básica para o governo.

Ainda bem que quando estive por lá estava tão frio que nem nas praias eu usei biquíni. Vai que eu saio de lá com uma multa para pagar? Tô fora!

Pronto para encarar as leis bizarras durante a sua viagem?

Já deu para ver como é importante pesquisar algumas curiosidades dos destinos antes de embarcar. Coisas que parecem normais pra gente, em uma viagem para o exterior podem te custar dinheiro ou até te levar preso. Já pensou? 😦

Nós do Dicas Para Viagens adoramos pesquisar mais sobre os costumes e regras de vários lugares do mundo. Aqui você encontra algumas curiosidades sobre a índia e algumas coisas que você não deve fazer no Japão!

Tem algum destino que você gostaria de conhecer mais? Deixa aí nos comentários que a gente traz algumas curiosidades que podem te ajudar em uma viagem para o exterior!